Final de Kyle XY

Julie Plec, escritora de Kyle XY responde as nossas dúvidas sobre o ‘final’ de Kyle XY. Infelizmente as nossas questões só poderão ser respondidas por ela e nesta entrevista porque como todos já sabem, Kyle XY foi cancelada na terceira temporada, deixando vários assuntos inacabados e o final não teve muita coesão, já que - como pode ser percebido - acabou de uma forma que não puderam ser esclarecidos os mistérios que concatenavam o seriado.


Uma fã de Kyle chamada Samantha, traduziu a entrevista em que Julie revela como teria sido o fim dos personagens, caso a série tenha continuado. Leia a entrevista a seguir.



ABC Family: No último episódio, Jessi diz que é “danificada”. Ela é realmente “danificada” ou ela foi criada para ser uma assassina?
Julie: Jessi é mesmo “danificada”. Um dos grandes temas que nós achamos que seria importante explorar na série era a idéia de natureza vs. educação. Nesse contexto, Kyle e Jessi tiveram as mesmas oportunidades quando “nasceram” ou as circunstâncias ditaram quem acabaria se tornando uma pessoa “boa”? Ou há um elemento mais espiritual ligado aos personagens – assim Kyle possui uma alma pura e Jessi uma obscura? Essa é uma questão que continuaria sendo explorada durante a série – assistir à pobre Jessi enquanto ela se mata para conseguir ser tão boa quanto Kyle… e assistir a Kyle tendo sua boa e pura alma tomada por experiências de vida e realidade cruéis. Mas de maneira nenhuma Jessi foi criada para ser má desde o nascimento. Latnok, nos seus esforços errôneos, genuinamente acreditava que eles queriam fazer do mundo um lugar melhor. Eles apenas tinham um jeito peculiar de agir. Em muitas maneiras, Jessi nunca teve uma chance. A mãe dela tinha problemas psicológicos. Sua entrada no mundo foi devastadora. E seus primeiros dois dias, antes da Madacorp implantar nela uma vida de memórias, foram frios e desagradáveis. Mas lá no fundo vive uma garota vulnerável – como qualquer ser humano – que apenas queria ser amada incondicionalmente.

ABC Family: O que aconteceria com todos aqueles clones? Um exército de homens bonitos, curadores, responsáveis e meio heróis soa muito bem, mas nós apenas nos perguntamos se havia alguma outra motivação obscura.
Julie: Como nós vimos durante a série, com personagens como Brian Taylor, Professor Kern e Ballantine, certos propósitos individuais podem corromper o objetivo geral de uma instituição. Enquanto nós acreditamos que a velha Latnok tinha intenções benevolentes, no minuto em que se coloca essa quantidade de poder (brincando de Deus) nas mãos de alguém, as coisas podem sair horrivelmente erradas. Há uma facção dentro da Latnok , liderada pela mãe biológica de Kyle, que pretendia vender os clones dele para o maior licitante – utilizando o verdadeiro Kyle como um exemplo de como o experimento da empresa pode ser magnífico. Embora Kyle tenha destruído a fórmula, ela ainda está na sua cabeça como resultado das informações que eles absorveu de Zyzzx enquanto ainda estava na banheira. Como Cassidy disse, ele não mediria esforços para ter essa informação de volta. A próxima temporada teria colocado Nicole e Jessi em uma situação na qual, para salvar a vida de Kyle, elas teriam que dar a Cassidy o que ele quer. Mas elas nunca poderiam contar a Kyle o que tinha feito, ficando, assim, vinculadas pelo segredo que precisariam guardar dele.

ABC Family: No final da série, Kyle não ficou nem com Jessi nem com Amanda. Ele ficaria com qual das duas? Ele fica com sua alma gêmea? Elas duas são almas gêmeas dele? Qual é o significado das borboletas e da eletricidade?
Julie: A questão “com quem Kyle termina” é muito difícil de responder, porque na nossa opinião um verdadeiro herói está destinado a acabar sozinho. Se a série tivesse continuado por mais cinco anos, Kyle provavelmente não ficaria com nenhuma das duas, sabendo que ele não poderia cumprir seu verdadeiro destino como um profeta vivendo um relacionamento normal como qualquer outra pessoa. Mas pensando em curto prazo, nós acreditamos que a relação de Kyle e Jessi teria continuado a se desenvolver. Seria complicada, apaixonada, inconstante e auto-destrutiva. Quando Amanda tivesse a chance de crescer fora de seu casulo – provavelmente quando ela entrasse na faculdade e embarcasse naquela jornada de auto-conhecimento pela qual todo jovem adulto passa – ela e Kyle poderiam redescobrir um ao outro e entrariam em um relacionamento que fosse mais do que apenas um amor inocente. Mas quando tudo é dito e feito, Kyle teria que embarcar na sua jornada sozinho, esperançosamente de uma forma bonita e poética.


ABC Family: Tom Foss faria sempre parte da vida de Kyle?
Julie: Tom Foss seria sempre lembrado como uma parte da vida de Kyle, mas seus demônios são a perdas de sua mulher e de sua filha. Em algum momento, Kyle teria ajudado Foss a viver a vida que ele pensava que nunca teria de novo. Kyle teria libertado Foss da responsabilidade de protegê-lo para que Foss pudesse encontrar a felicidade. Nós queríamos “passar a tocha” de Foss para Declan. Declan, sempre buscando uma resposta para o seu “papel” na vida de Kyle, teria ido até Foss para aprender como ser o protetor dele.

ABC Family: Cassidy ser irmão de Kyle é uma revelação ENORME… Havia outras revelações desse tipo a serem feitas? Kyle está ligado a algum outro personagem? Cassidy estava mentindo apenas para salvar sua própria vida?
Julie: Cassidy e Kyle tem a mesma mãe biológica. Cassidy não estava mentindo. E ninguém mais é ligado a Kyle (até onde eu sei). A relação de Davi e Golias entre Cassidy e Kyle seria uma grande parte da próxima temporada. Enquanto eles estão ligados pelo sangue, eles estão em oposição um ao outro. Isso nos teria possibilitado continuar explorando outros dos nossos temas favoritos nesse programa: o que define “família”?

ABC Family: Adam está realmente morto ou ele voltaria num episódio futuro, como Foss?
Julie: Que Adam Baylin descanse em paz. Mas ele sempre teria a habilidade de aparecer na mente de Kyle, mais ou menos como ele fez na segunda temporada no episódio “Lockdown”.

ABC Family: O que acontece com Andy e Josh? Eles ficariam juntos, mesmo que ela tenha ido embora e esteja somente na webcam (yay, Declan!)?
Julie: Josh e Andy exploraram as águas traiçoeiras conhecidas como “relacionamento à distância”. Eles teriam terminado, voltado, ido para a mesma faculdade, seriam transferidos para faculdades diferentes, terminariam de novo, namorariam outras pessoas, e finalmente casariam e viveriam felizes para sempre. Josh e Andy tinham o relacionamento favorito de nós, escritores. Nós até pensamos em fazer o câncer de Andy voltar e fazer o Josh perdê-la, mas nós não podíamos nos permitir deixar Andy de fora, ou a atriz Magda Apanowich (apesar dela está saindo para fazer Caprica), porque nós amamos aqueles dois personagens demais para dizer adeus.

ABC Family: E quanto a Declan e Lori? Eles continuariam amigos?
Julie: Declan e Lori, acredite ou não, acabariam ficando juntos. Mas, antes disso, Lori iria para Nova York tentar uma carreira musical e Declan teria ido embora para um pequeno período de treinamento com Foss. Depois de alguns anos de experiência com uma vida difícil, Lori retornaria a Seattle e seguiria os passos da mãe, matriculando-se em uma escola para estudar psicologia – percebendo que esse é seu verdadeiro talento. Declan sempre teria duas prioridades – Lori e Kyle. Para os fãs de Battlestar Gallactica, ele é o Colonel Tigh para Admiral Adama. Declan assumiria a proteção de Kyle e seria seu melhor amigo e mais feroz protetor para a vida toda. Lori seria a única mulher que poderia entender isso, porque ela também se sente assim com relação a Kyle.

ABC Family: E o mais importante, como a série termina?!
Julie: Como termina?! Em termos gerais, Kyle embarca em uma jornada pelo mundo com a única missão de ajudar pessoas. Levando comida para um lugar onde elas estejam famintas… Inventando fontes de energia que não destruam o meio ambiente… Estabilizando áreas do mundo que vivem em conflito… Sendo uma boa pessoa – e deixando sua bondade impactar os outros. Chame-o de Madre Teresa, chame-o de Bill Clinton, chame-o de Gandhi – era o destino de Kyle fazer do mundo um lugar melhor. E é porque os Tragers o levaram para casa e o amaram incondicionalmente que ele seria capaz de fazer tudo isso. Como teria terminado se nós tivéssemos mais um episódio? Eu gostaria de saber. Nós estávamos apenas começando a contar todas as histórias que existiam sobre Kyle XY.

No que diz respeito a mim, a todos os escritores, produtores e ao elenco, nós somos muito gratos por termos tido a oportunidade de fazer essa série e de contar a história de Kyle. A lealdade dos fãs e a paixão pelo programa era algo que nenhum de nós já havia experimentado. Foi um verdadeiro presente… Obrigada.


Fonte: Kyle XY BR

Comentários

  1. Acho que para concluír sua missão Kyle não precisaria ficar só. Seu amor por Amanda é puro e real, ela poderia ajuda-lo em sua missão e descobrir que não é tão indefesa quanto todos pensam. A missão dele não necessitaria ser solitária.

    ResponderExcluir
  2. Fico triste dá série não ter continuado, pois era magnifica a forma como o homem era abordado, era como se podessemos ver o homem com a visão de kyle, e coisas que conhecemos tão superfialmente pasassem a ter outros significados através de seus questionamentos.

    ResponderExcluir
  3. Realmente é verdade, a forma como ele questionava e percebia as coisas faz com que repensemos nossas ações e vejamos a vida de um outro ângulo, como prometemos as coisas e somos apressados em quebrar essas juras - "Promess?" "Promess!"

    Esse foi um dos raros seriados que consegue nos fazer refletir sobre algo que realmente importa: a vida e o modo como nos tornamos o que somos...

    Quanto ao Kyle ficar só, acredito que seja muita covardia já que "seu amor por Amanda é puro e real", então deveriam ficar juntos sim.

    "A vida é um quebra-cabeças, todas as peças se encaixam para criar quem somos, o que fazemos, como nos sentimos. Cada experiência nos torna quem eventualmente seremos." Kyle XY


    Hugs,
    Misael M.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

¿Se você gostou está esperando o que pra comentar?
¡Comente este artigo que acabou de ler, agora mesmo!

Comentar faz toda diferença, pois sinto o feedback das pessoas pra quem faço o blog com tanto carinho e isso me motiva a escrever cada vez mais. Você não tem ideia da diferença que faz um comentário.

¡Atenção!
» Todos os comentários são moderados e liberados apenas depois de analisados;
» Não há problemas com críticas, desde que você saiba se expressar;
» Evite palavrões ou palavras de baixo calão;
» Escreva o mais correto possível;
» É proibido escrever todo texto com caixa-alta ou em maiúsculo.

Quer entrar em contato ou tirar alguma dúvida? Então acesse o Formulário de Contato

Postagens mais visitadas deste blog

3 Segredos da oração

Desconhecido ante a mim

A maldade em mim