O fragrante - O tempo e o Desejo

by Thays

...Ele aguardou um contato seu, coisa que nunca mais aconteceu...
Passaram-se dias, meses, para ser mais exato, um ano. Jannie, menina determinada, decidiu esquecer o que havia acontecido.
Assim namorou com Léo, garoto que a fez sofrer muito, porém, também aprendeu com isso. Certo dia conversando com Cindy, sua mãe e consultora de Simie, esta lhe perguntou:
- Jannie e o Simon, você nunca mais falou dele, vocês ainda tem contato?
- Sim, mãe, tenho ele no orkut e msn, porém ele nem deve mais se lembrar de mim, estou tão diferente.
-Ah, que nada menina deixe de bobeira há alguns meses ele ligou perguntando sobre você.
Neste momento Jannie surpreendida disfarçou e levou seu olhar ao chão lembrando do ocorrido entre eles.
-Poxa mãe, não gosto muito de lembrar.


Crédito: Jana's Creation
Deu-se por encerrado o assunto, no dia seguinte Jannie estava no centro de sua cidade, passou pela praça onde conhecerá Simie, e decidiu sentar-se lá, no mesmo banco.
Ela havia mudado muito, estava com um ar de mulher madura, cabelos cumpridos alourados, liso e encaracolado nas pontas e um corpo escultural, não se via mais como uma garotinha feia e sem brilho como antes, o que de fato jamais fora.

Passaram-se, instantes, horas e ela permanecia inteiramente imersa, distraída em seu Ipad ouvindo música e recordando de seus "momentos" com Simie, quando sentiu aquela fragrância cítrica rodeá-la, ela se viu tomada por uma emoção tão grande:
- Como pude me apaixonar por alguém que mal conheço? - Murmurou baixinho para si mesma.
De repente sentiu uma mão pesar sobre seu ombro e uma voz a perguntar:
- Você está bem moça?

Jannie sentiu um frio na barriga, não poderia ser ele. Quando olhou para trás foi como se fossem dois pólos, um negativo e outro positivo, olharam-se por segundos que mais pareceu uma eternidade, Simie com seu jeito forte impenetrável e Jannie com toda a sua delicadeza e força de mulher.

Daniela Araújo - Onde está o meu amor?

Impulsionados por um desejo tão grande, se abraçaram sem saber bem o porquê, Jannie chorando não conseguia conter-se e desaguou nos braços de Simie, que tomado por uma emoção enorme por revê-la tão linda quanto antes, tão menina, mas tão mulher, sentiu um desejo imenso de beija-la, porém se conteve. Jannie sentia-se completamente envolvida por ele, queria beija-lo, abraça-lo e amá-lo, porém não quis parecer chantagista usando de sua emoção para conseguir o que desejava...


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

3 Segredos da oração

Desconhecido ante a mim

A maldade em mim